Recife a 30 dias da Copa: mobilidade é o foco na reta final

13/05/2014 - 11:30
Arena Pernambuco receberá cinco jogos do Mundial de 2014

A um mês de a bola rolar para o Mundial de 2014, Recife ajusta o cronograma para concluir importantes intervenções. Com a Arena Pernambuco entregue e testada e equipamentos de turismo, como o Paço do Frevo e o Cais do Sertão funcionando, a expectativa se volta, sobretudo, para as obras de mobilidade. Tanto o poder público estadual quanto o municipal garantem a conclusão ou operacionalização das estruturas para a última semana de maio ou primeira de junho.

Principal responsável pelas intervenções urbanísticas que facilitam o acesso à arena e o trânsito na cidade, o governo do estado entregou 14 das 20 obras planejadas para o período e avalia positivamente o desempenho. “Das sete obras da Matriz de Responsabilidade, três foram inauguradas já para a Copa das Confederações (a arena, a estação do metrô e o viaduto na BR-408). As restantes estarão operacionais para a Copa”, afirmou o secretário extraordinário da Copa 2014 em Pernambuco, Ricardo Leitão.

Mobilidade

Além da estação e do viaduto da BR, foram construídas/adquiridas mais 11 estruturas: os conectores do aeroporto (Infraero), a aquisição de seis novos trens (CBTU), a finalização do terminal marítimo de passageiros (Porto do Recife), os terminais integrados do aeroporto e do TIP, o viaduto da avenida Panordestina, a requalificação da estrada da Batalha, a duplicação da BR-408, o viaduto dos Bultrins Leste, o trecho interno do Ramal da Copa e o viaduto de Ouro Preto (Secretaria das Cidades de Pernambuco).

Agora, o governo estadual trabalha para concluir o Corredor Norte/Sul, o Corredor Leste/Oeste, o Terminal Integrado Cosme e Damião, a passarela que liga o Aeroporto ao metrô e o trecho externo do Ramal da Copa. As atenções estão voltadas principalmente para os corredores, que vão receber o sistema de Bus Rapid Transit (BRT). O sistema funcionará na operação BRT Expresso Copa, utilizando as estações que serão concluídas até o Mundial (pelo menos três).

Foto: Portal da Copa/ME/Abril de 2014#Via Mangue, uma das intervenções de mobilidade em Recife

Outra obra que deve ser finalizada na última semana de maio é a Via Mangue, de responsabilidade da prefeitura do Recife e que está 97% concluída. Localizada na Zona Sul da capital pernambucana, a via faz ligação com o Centro. Também de responsabilidade do poder público municipal, a requalificação dos acessos aos centros de treinamento do Sport e do Náutico, que funcionarão como Campos Oficiais de Treinamento (COTs), está em curso. Segundo a Secopa municipal, a intervenção na ligação entre o CT do Sport e a BR-101 está 70% concluída, com orçamento de R$ 3,27 milhões, contemplando uma extensão de 2,1 km. Já no Náutico, as obras de acesso chegaram a 60% de conclusão e recebem investimentos de R$ 711 mil, numa extensão de 456 metros.

Como um dos principais gargalos no acesso à Arena Pernambuco foi a superlotação do metrô, o governo trabalha com o reforço do sistema rodoviário. Segundo Leitão, a operação do segundo acesso rodoviário à arena, por meio do Corredor Leste-Oeste e do Ramal da Copa, por onde trafegarão os BRTs, diminuirá a demanda dos torcedores pelo metrô desde o centro do Recife. O acesso já em funcionamento é pela BR-480. “Além disso, durante os dias de jogos os torcedores terão à disposição três estacionamentos periféricos, em um raio de 10 km do estádio, onde poderão deixar os carros particulares e tomar ônibus circulares para a arena”, explica o secretário.

Foto: Portal da Copa/ME/Abril de 2014#O terminal de passaeiros do porto de Recife está em operação desde outubro de 2013

Porto 

O Terminal de Passageiros do Porto de Recife foi inaugurado em outubro de 2013. Ele ocupa uma área de 23,4 mil m², com 7,9 mil m² de área construída. O espaço conta com estacionamento para 188 vagas, sendo 144 para automóveis, 12 para ônibus de turismo, sete para pessoas com deficiência e 25 vagas para órgãos oficiais. O investimento total foi de R$ 28,1 milhões, sendo 21,8 milhões de recursos federais. A Matriz de Responsabilidades da Copa prevê espaços similares nos portos de Fortaleza, Natal e Salvador.

oto: Infraero/Divulgação#

Aeroporto 

O Aeroporto Internacional dos Guararapes está modernizado e pronto para receber os passageiros para a Copa. O terminal tem capacidade para mais de 16 milhões de passageiros por ano e registrou, no ano passado, 6,8 milhões de embarques e desembarques. A demanda prevista para 2014 é de 8,7 milhões de passageiros. Os passageiros que desembarcarem na capital pernambucana para os jogos do Mundial vão encontrar um aeroporto com mais elevadores e um novo sistema de climatização nos conectores de embarque e desembarque. Outra novidade é a revitalização da pista de pousos e decolagens, obra executada para garantir ainda mais segurança. Os funcionários do aeroporto foram capacitados em inglês para melhor atender aos turistas estrangeiros, com foco no contexto do dia a dia aeroportuário, abordando tópicos como vocabulário de viagem, frases da língua inglesa comuns no contexto de um aeroporto e exercícios práticos de conversação. Além disso, os passageiros poderão acompanhar a restituição das bagagens por meio de monitores e câmeras. Trata-se do programa “De Olho na Mala”, presente em 44 dos 63 aeroportos da Rede Infraero.

A arena

A Arena Pernambuco ficará sob a administração da FIFA de 22 de maio a 4 de julho, período em que a federação concluirá os preparativos para os cincos jogos no estádio. As Estruturas Complementares já estão sendo instaladas desde 24 de março e ocuparão uma área de 40 mil metros quadrados. Como foi entregue antes da Copa das Confederações, a Arena já foi testada em eventos nacionais e internacionais. 

Laura Cortizo, do Portal da Copa em Recife (PE)
 

Notícias Relacionadas

Terminais que tiveram obras entregues foram os melhores avaliados em levantamento realizado entre abril e junho
+
BRT carioca teve seis novas estações inauguradas neste fim de semana e liga a Barra da Tijuca ao aeroporto do Galeão
+
Tarifa é de R$ 2,15 e os usuários que desejarem experimentar o novo modal poderão utilizar o Vale Eletrônico Metropolitano (VEM)
+
Governo do DF divulgou balanço de ações para a Copa do Mundo. Investimentos em segurança, turismo, mobilidade urbana e aeroporto ficam para a cidade
+