Programa de TV mostrará culinária brasileira em países da América Latina

12/04/2013 - 11:07
A série irá ao ar em junho e será reapresentada três vezes em 2013. A audiência estimada é de 20 milhões de telespectadores

As delícias da cozinha brasileira serão apresentadas para toda a América Latina durante uma série de 13 episódios da TV a cabo Gourmet.com. O programa “Travesia: Francisco en Brasil”, conduzido pelo chef argentino Francisco del Piero, irá percorrer sete estados brasileiros para mostrar ao público latino a diversidade da gastronomia do país. A América Latina é considerada um mercado prioritário para o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur).

“A gastronomia é um dos principais elementos da cultura de um país. Divulgar a riqueza e a diversidade de nossa cozinha ajudará a atrair mais turistas para o Brasil”, afirmou o presidente da Embratur, Flávio Dino.

Os jornalistas que trabalharão na série já estão no país e percorrerão os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Bahia em busca de pratos e produtos típicos de cada região.  A série irá ao ar em junho e será reapresentada três vezes em 2013. Destes, apenas Santa Catarina não receberá jogos da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. A audiência estimada é de 20 milhões de telespectadores.

A ação de promoção da gastronomia brasileira é realizada com apoio da Embratur e organizada pelo Comitê Visite Brasil, criado em 2001 em Buenos Aires para divulgar o Brasil no país vizinho. As ações de promoção do Brasil no mercado argentino incluem inúmeras iniciativas junto ao trade turístico e ao público final, com resultados significativos em termos de alcance e repercussão na imprensa. Em 2011, 1,6 milhão de argentinos estiveram aqui, o que torna a Argentina o principal país emissor de turistas para o Brasil.

Fonte: Embratur

      

Notícias Relacionadas

Visitantes gastaram US$ 6,9 bilhões no país. O resultado teve forte influência da Copa do Mundo
+
Secretário executivo do Ministério do Esporte afirma que o aprendizado adquirido com o Mundial dará melhores condições para o Brasil enfrentar os desafios da preparação do maior evento esportivo do planeta
+
Os legados esportivos, econômicos, de infraestrutura, de imagem e promoção do Brasil, dentre outros, serão abordados nos dois dias de palestras
+