Metrô de Salvador já recebeu mais de 70 mil usuários

03/07/2014 - 23:24
Cerca de 15 mil pessoas utilizaram o transporte para chegar à Fonte Nova nos dias de jogos da Copa

Inaugurado em 11 de junho, o Metrô de Salvador já tem recorde de público. Segundo a CCR Bahia, concessionária que administra o modal, mais de 70 mil pessoas utilizaram o transporte, que funciona em operação assistida até 14 de setembro. Desse total, cerca de 15 mil são torcedores que foram assistir aos jogos da Copa na Arena Fonte Nova.

A entrega do serviço foi algo muito comemorado pela população baiana, já que as obras foram iniciadas há 14 anos. Residente no bairro de Santa Mônica, a técnica em operação Daiana Rodrigues aprovou o funcionamento do metrô durante o Mundial. “Foi bem organizado. Descemos aqui na estação do Campo da Pólvora e viemos andando”, contou.

O transporte também foi elogiado por estrangeiros. “É muito mais rápido e seguro e, mais ainda por estar novo em folha”, afirmou o holandês Jan Cluster. Para o turista norte-americano Bruno Neal, foi uma surpresa positiva encontrar o metrô funcionando na Copa. “Ouvi falar que estava sendo construído há muito tempo, mas não sabia que poderíamos usar na Copa”, disse.

Foto: Mellyna Reis/Portal da Copa#

Investimento

O trecho que está em funcionamento compreende os 5,6 quilômetros entre as estações Lapa e Acesso Norte Linha 1, que será concluído em janeiro de 2015, chegando ao bairro de Pirajá. Com investimento total de R$ 3,6 bilhões do Governo Federal, Estadual e da concessionária CCR Metrô Bahia, a previsão é que todo o projeto do sistema metroviário fique pronto em abril de 2017. Na ocasião será entregue a Linha 2, que sai do Detran até o Aeroporto, passando pela Rodoviária, Pernambués, Imbuí, CAB, Pituaçu, Flamboyant e Mussurunga.

Durante esse período de operação assistida, o metrô funciona gratuitamente de segunda a sexta-feira (exceto em feriados), das 12h às 16h. Os vagões têm capacidade para 200 passageiros sentados e 800 em pé. Já nos dias em que há partidas do Mundial, o acesso é restrito aos portadores de ingressos que vão ao estádio.

Até o fim de julho, também será liberada a Estação do Retiro. Com 5,8 mil metros quadrados de área construída, o novo terminal é totalmente acessível e conta com elevadores, escadas rolantes, piso tátil, além de banheiros masculino e feminino com sanitários exclusivos para pessoas com deficiência. Assim que a estação for entregue, o metrô passará a funcionar em novo horário, com duas horas a mais de operação assistida.

Acesso

Os torcedores que forem assistir Holanda e Costa Rica no sábado (5.07), última partida da Copa em Salvador, podem fazer o cadastramento e retirar a pulseira de acesso ao metrô no estande da CCR, no segundo piso do Shopping Bela Vista. O serviço começa a funcionar cinco horas antes do início da partida e permanece atendendo até duas horas após o jogo. O acesso é feito pela estação Acesso Norte, próximo ao Shopping Bela Vista, com desembarque no Campo da Pólvora, mesmo local onde os torcedores irão retornar.

Mobilidade

A Copa do Mundo deixa um importante legado para a mobilidade urbana em Salvador. O Governo da Bahia já investiu R$ 8,5 bilhões na área, incluindo obras inauguradas e em andamento. Além do metrô, já foram entregues as vias marginais da Avenida Paralela, o Viaduto de Narandiba, a primeira etapa de duplicação da Avenida Pinto de Aguiar e a alça que liga a Avenida Luís Eduardo Magalhães à BR-324.

Como parte do projeto Mobilidade Salvador, estão em andamento as obras dos viadutos do Imbuí, a Estrada do Curralinho e a conclusão da Avenida Pinto de Aguiar, que devem ser concluídas no segundo semestre deste ano, e os dois corredores transversais de tráfego, que ligam a orla atlântica ao Subúrbio Ferroviário.

Antes do lançamento do projeto Mobilidade Salvador, o Governo do Estado já havia inaugurado a Via Expressa, em 2013, e o Complexo Viário Dois Julho, em 2008, pistas usadas para quem se desloca do aeroporto até a Arena Fonte Nova.

Mellyna Reis, do Portal da Copa em Salvador

Notícias Relacionadas

Estudo revela que a ocupação hoteleira na cidade bateu recordes, chegando a 72,26% no período do Mundial
+
BRT carioca teve seis novas estações inauguradas neste fim de semana e liga a Barra da Tijuca ao aeroporto do Galeão
+
Cidade hospedou campeões mundiais durante a Copa do Mundo e recebeu legados como Centro de Treinamento e promoção da imagem local
+
Tour 100% apresenta os bastidores do equipamento multiuso aos visitantes
+