PRF faz operação especial no DF devido à disputa do terceiro lugar

10/07/2014 - 13:58
Operação vai verificar irregularidades, como motoristas embriagados ou sem habilitação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) faz nesta quinta-feira (10.07) uma operação especial de fiscalização nas principais saídas do Distrito Federal. A iniciativa está ligada ao jogo do Brasil que ocorre em Brasília, no sábado (12.07), às 17h, no Mané Garrincha, pela disputa do terceiro lugar da Copa do Mundo.

De acordo com a PRF, o objetivo da operação é verificar irregularidades, como motoristas embriagados ou sem habilitação. No último levantamento da entidade, entre os dias 1º de junho e 8 de julho, foram flagradas 2.099 pessoas alcoolizadas ao volante – no mesmo período do ano passado, o número foi 254.

Segundo o inspetor da PRF Daniel Bonfim, o aumento de motoristas embriagados está ligado aos jogos da Copa do Mundo. “Infelizmente há ainda uma cultura do brasileiro de associar diversão à bebida alcoólica e, nesta época de Copa, realmente houve um aumento, mas é importante frisar também que tivemos um grande número de motoristas conscientes no trânsito”.

O número de condutores sem habilitação também aumentou. Foram pegos 292, de 1º de junho a 8 de julho, superando os 88 inabilitados flagrados no mesmo período do ano passado. A fiscalização nas rodovias do DF está reforçada, neste período. São, ao todo, 140 policiais e 52 viaturas entre carros e motos, com o apoio de policiais de cinco estados do país, atuando nas ruas.

A operação especial não tem data para terminar. Os policiais vão atuar também durante a 6ª Cúpula do Brics – grupo formado pelo Brasil, a Rússia, Índia, China e África do Sul. O encontro reunirá os chefes de Estado dos cinco países-membros do bloco, em Fortaleza, no Centro de Eventos do Ceará, no dia 15 de julho, mas o encerramento ocorrerá em Brasília, no Palácio Itamaraty, no dia 16.

Fonte: Agência Brasil

Notícias Relacionadas

Estruturas como o Centro Integrado de Comando e Controle Móvel, usado no Mundial, foram empregadas na competição de vela que está sendo realizada no Rio de Janeiro
+
Centro Integrado de Comando e Controle regional realizou 1,1 monitoramentos diários e acompanhou 300 atividades essenciais durante os 31 dias do Mundial na capital mineira
+
Profissionais federais e distritais trabalharão juntos em evento que terá 19 chefes de Estado
+
Governo do DF divulgou balanço de ações para a Copa do Mundo. Investimentos em segurança, turismo, mobilidade urbana e aeroporto ficam para a cidade
+