Jordânia vence Uzbequistão nos pênaltis e disputará vaga para a Copa na repescagem intercontinental

10/09/2013 - 15:17
Após novo empate por 1 x 1 na partida de volta, jordanianos superam uzbeques por 9 x 8 nas penalidades e vão enfrentar representante da América do Sul

O sonho de disputar a Copa do Mundo da FIFA 2014 ainda está vivo para a Jordânia. Após novo empate por 1 x 1 na partida de volta contra o Uzbequistão nesta terça-feira (10.09), os jordanianos foram melhores em uma longa disputa de pênaltis e venceram por 9 x 8. Com o resultado, a Jordânia vai disputar, em novembro, a repescagem intercontinental com o quinto colocado das Eliminatórias da América do Sul.

No tempo regulamentar, o Uzbequistão, jogando em casa, abriu o placar logo no início do jogo, aos 5 minutos, com gol de Ismailov. O empate jordaniano veio no fim da primeira etapa, com Al Murjan, aos 42. Apesar da pressão uzbeque, o placar não mudou no segundo tempo. Como a partida de ida, disputada na Jordânia na última sexta, também havia terminado em 1 x 1, a disputa foi para a prorrogação.

Durante a primeira etapa do tempo extra, houve um apagão no estádio e a partida foi interrompida  por cerca de 20 minutos. A luz voltou, a prorrogação seguiu sem gols e a disputa foi para os pênaltis.

Foram 20 cobranças. O Uzbequistão errou a primeira cobrança, mas a Jordânia não converteu a quinta, e assim passou-se para as cobranças alternadas, terminando com o placar de 9 x 8 para os jordanianos.

Leia também:

» Messi brilha e confirma vaga da Argentina para a Copa do Mundo de 2014

» Itália vence República Tcheca de virada e garante vaga na Copa do Mundo de 2014

» Com vitória sobre Andorra, seleção da Holanda garante vaga na Copa de 2014

» Estados Unidos vencem clássico contra o México e se classificam para a Copa de 2014

» Mesmo com empate, Costa Rica garante sua quarta participação em Copas

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Aeroportos, segurança pública e atrativos turísticos têm mais de 80% de aprovação entre os profissionais de imprensa
+
Ao todo, 1,6 milhão de passageiros passaram pelos terminais entre 10/6 e 13/7. A cada 10 passageiros que desembarcaram no país, um passou pela capital
+
Principais emissores de turistas foram Argentina, Chile, Colômbia e Estados Unidos
+