Inovações e serviços de tecnologia em Recife auxiliam turistas na Copa

29/06/2014 - 14:14
Aplicativos mobile, carregadores solares em pontos turísticos e informativos digitais no metrô facilitam a vida de quem visita a capital pernambucana

Secopa-PE/Divulgação#Turistas no metrô de Recife, que leva os torcedores até uma estação próxima à Arena PernambucoWi-fi nas paradas de ônibus, aplicativos voltados para turistas e um grande parque tecnológico. Alguns dos investimentos na área de ciência e tecnologia em Recife se revertem em facilidades para os torcedores da Copa do Mundo. O analista de sistemas Giordano Rossi, natural de Florença, na Italia, veio a Recife pela primeira vez para conferir a Copa e aprovou algumas das iniciativas criadas na cidade para seu deslocamento. Desde maio, um aplicativo para iOS e Android mostra aos usuários de Recife as linhas de ônibus que passam em cada ponto e o tempo que resta até o veículo chegar.

Giordano conheceu o Cittabus em uma pesquisa na internet e resolveu usá-lo assim que chegou à cidade para facilitar sua mobilidade."Não conhecia Recife até chegar aqui, mas com a ajuda da Internet e de aplicativos como este, tenho conseguido sair e chegar onde quero", elogia o italiano.

Quem resolve utilizar o metrô para ir até a Arena Pernambuco ou ir a outros pontos da cidade também encontra facilidades. O InfoMetrô Mobile, informativo digital que também pode ser acessado pelo site www.metrorec.com.br, contém informações sobre a operação das linhas e permite aos passageiros traçarem rotas através de GPS, com instruções a respeito da estação mais próxima.

Além da possibilidade de ter informações sobre o metrô na palma da mão, os turistas dispõem de totens trilíngues nas principais estações da cidade com dados sobre o percurso traçado pelos trens, os pontos turísticos de referência próximos ao local e as linhas de ônibus integradas com o sistema, que permite ao usuário percorrer grandes distâncias pagando apenas uma passagem.

A enfermeira colombiana Cristina Vasquez já tinha vindo anteriormente à capital pernambucana durante o Carnaval, mas não tinha usado o metrô até esta Copa. Ela fez uso das informações disponíveis em espanhol no totem da Estação Tancredo Neves para chegar até a Arena Pernambuco, na Estação Cosme e Damião. "Esse totem e o aplicativo do metrô ajudaram bastante minha vida. Cheguei a passar muito tempo no trânsito para fazer o percurso que faria mais rápido se tivesse visto isso antes", comenta Cristina.

Tradição

As iniciativas compõem uma fração da relação de Recife com a área de Tecnologia e Informática. Hoje a cidade abriga o maior parque de TI do Nordeste, o Porto Digital. Abrigando 240 empresas nacionais e internacionais, três incubadoras de empresas, duas instituições de ensino superior e dois institutos de pesquisa, o Porto Digital e o C.E.S.A.R. (Centro de Estudos Avançados do Recife) são referências no país.

É graças a pesquisas e parcerias destas instituições que a cidade ganhou uma Estação de Carregamento Solar no Bairro de Recife. Este foi um projeto da SiliconReef juntamente com o C.E.S.A.R. que está oferecendo aos turistas da região uma solução para recarregar baterias de telefones celulares, smartphones, players e outros dispositivos móveis.

Cada ponto possui um tipo diferente de conexão e porta com cabos para atender aos principais aparelhos disponíveis. E tudo com energia limpa, capturada pelo sistema via energia solar mesmo durante a noite ou em dias nublados. "Essa ideia é incrível, salvou meu aparelho de descarregar antes de terminar de tirar as fotos que queria no passeio desta tarde", afirma o belga Thierry Spieser que veio em grupo ao Brasil para passar a Copa no Recife.

Jarmeson de Lima, Centro Aberto de Mídia - PE

Notícias Relacionadas

BRT carioca teve seis novas estações inauguradas neste fim de semana e liga a Barra da Tijuca ao aeroporto do Galeão
+
Tarifa é de R$ 2,15 e os usuários que desejarem experimentar o novo modal poderão utilizar o Vale Eletrônico Metropolitano (VEM)
+
Governo do DF divulgou balanço de ações para a Copa do Mundo. Investimentos em segurança, turismo, mobilidade urbana e aeroporto ficam para a cidade
+
Ministro do Esporte e secretário-executivo da pasta participaram do balanço final do evento, realizado no Rio de Janeiro
+