Grupo promete investir R$ 55 milhões na rede hoteleira de Cuiabá

19/09/2011 - 15:42
Até 2014, a capital matogrossense e sua região metropolitana terão 240 locais para receber turistas, entre chalés, hotéis e pousadas. Ao todo, chegará a 8.962 apartamentos e 22.084 leitos aptos a receber delegações, turistas e visitantes.

Em meio às celebrações da contagem regressiva de mil dias para Copa do Mundo da Fifa 2014, Cuiabá recebeu, na última sexta-feira (16.09,) o anúncio de investimento de mais R$ 55 milhões na rede hoteleira para a construção de um Eco resort com 250 leitos voltado para o turismo de negócios.

O novo empreendimento terá o conceito do grupo Sol Meliá Hotels & Resorts, fundado em 1956 em Palma de Mallorca (Espanha), considerada uma das principais redes hoteleiras de lazer do mundo. Conta com mais de 300 empreendimentos distribuídos em 30 países nos quatro continentes. Atualmente, administra 14 empreendimentos no país, em São Paulo, Angra dos Reis, Brasília e Campinas.

O empresário Elidio José Del Pino explica que já existia o interesse em se instalar na região, o que foi reforçado com a realização da Copa do Mundo. De acordo com o Sindicato dos Bares Hotéis e Restaurantes de Cuiabá, estão previstos investimentos de R$ 250 milhões na construção de novos hotéis na capital do estado. “Temos todo o interesse em receber grupos interessados em investir aqui. É uma necessidade a ampliação da rede hoteleira e o anúncio feito hoje aqui é realmente muito importante”, disse o presidente da entidade, Eder Moraes.

Crescimento do setor chega a 30%

Além do incremento do Eco resort anunciado, até 2014 estão previstas a construção e a ampliação de 14 novos hotéis, o que significa a construção de mais 1.410 apartamentos e 3.644 leitos.Atualmente a capital mato-grossense contabiliza 70 hotéis, 3.261 apartamentos e 7.920 leitos. Cuiabá terá 84 hotéis, 4.671 apartamentos e 11.564 leitos até o início da Copa do Mundo. Em Várzea Grande, o investimento ocorrerá com a construção de mais dois hotéis, totalizando até o inicio do Mundial 39 hotéis, 1.211 apartamentos e 2.994 leitos.

Até 2014, os municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Cáceres, Jaciara, Primavera do Leste, Chapada dos Guimarães, Nobres, Santo Antonio do Leverger e Barão de Melgaço terão 240 locais receptivos de turistas, entre chalés, hotéis e pousadas, 8.962 apartamentos e 22.084 leitos aptos a receber delegações, turistas, visitantes.

Agecom - MT

Notícias Relacionadas

A rede hoteleira das regiões turísticas está com 100% de ocupação e os hotéis de outras regiões da cidade têm 90% dos quartos ocupados
+
Proximidade do aeroporto e do Centro de Treinamento da Argentina atraem turistas para a cidade do interior de Minas
+
País passa por momento favorável para a expansão hoteleira, especialmente pela realização de grandes eventos, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas de 2016, segundo diagnóstico apresentado na Conferência Brasileira de Investimentos do setor
+
Atualmente, a cidade oferece 34.130 quartos. Para o Mundial, espera-se alcançar a marca de 39,2 mil quartos, sendo 26,6 mil em hotéis e outros 12,6 mil distribuídos em apart-hotéis, albergues, pousadas e motéis
+