Gramado da Arena da Baixada recebe tratamento com iluminação artificial

27/05/2014 - 16:47
Sistema de estruturas metálicas rolantes é utilizado para corrigir falta de luminosidade causada pela presença da cobertura

Fotos: Secopa/PR#

O gramado da Arena da Baixada, em Curitiba, receberá um tratamento com iluminação artificial para a Copa do Mundo. Pelo sistema, criado na Holanda, a luz artificial é distribuída por seis estruturas metálicas rolantes, que ocupam aproximadamente um terço do gramado. O tempo de permanência em cada área do gramado pode variar, a depender das condições de sombreamento e umidade da grama. “O objetivo é fazer o complemento da luminosidade que falta no gramado, em função do sombreamento provocado pela estrutura da cobertura”, explica Ernesto Siqueira Henriques, engenheiro agrônomo responsável pelo gramado da Arena da Baixada.

No outono curitibano é comum haver uma série de dias de chuva e poucos de sol. Por isso, segundo o engenheiro, o fornecimento dessa luz artificial auxilia a grama na fotossíntese e facilita o desenvolvimento e o enraizamento. “Sabemos que a grama de inverno responde muito bem a esse sistema”, garante. O primeiro dos quatros jogos na capital paranaense será na segunda-feira, 16 de junho, às 16h (de Brasília), entre Irã e Nigéria.

Angelo Binder, do Portal da Copa em Curitiba (PR)

Notícias Relacionadas

Equipamentos substituem luminosidade do sol, favorecendo a germinação da grama
+
Espaços oferecem entretenimento, local para descanso, informações turísticas, internet wifi e outras comodidades para os viajantes. No Santos Dumont, 26,8 mil pessoas aproveitaram a estrutura oferecida
+
575 selecionados para programa Brasil Voluntário seguem atuando em pontos turísticos e de mobilidade até o fim da Copa
+
Funcionários da limpeza de Curitiba assistiram Argélia x Rússia na quinta-feira (26.06) na Arena da Baixada
+