Ministro do Turismo destaca financiamento para aumento da oferta de hospedagem no país

10/01/2013 - 12:08
No programa Bom dia, Ministro, Gastão Vieira também comentou a qualificação profissional e os investimentos em obras de acessibilidade para a Copa das Confederações e o Mundial de 2014

Elza Fiúza/ ABr#

O grande sucesso no aumento da oferta dos meios de hospedagem foi no campo do financiamento, afirmou Gastão Vieira no programa Bom dia, Ministro desta quinta-feira (10.01). O titular da pasta do Turismo destacou o volume de recursos ofertado por bancos oficiais para empresários interessados na construção e modernização de hotéis no país.

“Quase R$ 9 bilhões foram colocados à disposição pela Caixa Econômica Federal, BNDES e Banco do Brasil. No item financiamento, estamos indo muito bem e na atração de empresários para obter esses financiamentos também, tanto que o BNDES tinha colocado 1 bilhão de reais à disposição, dobrou para 2 bilhões e continua conversando com o ministério para superar obstáculos”, disse.

Gastão Vieira também comentou a expectativa do aumento de turistas no país a partir dos eventos esportivos. “Nós esperamos 5,8 milhões de turistas estrangeiros em 2013, contra 5,4 milhões em 2012. Nossa expectativa é que, durante esses grandes eventos esportivos que vamos viver, o Brasil consolide uma vinda de turistas que nos permita chegar a um patamar de 10 milhões em 2022”, disse. “Com o sucesso nos grandes eventos, o que sobra é uma enorme responsabilidade em transformar o país em grande destino turístico. Já estamos trabalhando nesse sentido”.

Pronatec Copa
Ao responder uma pergunta sobre qualificação profissional, o ministro do Turismo citou o Pronatec Copa e falou sobre convênios estabelecidos com estados para cursos que não estão incluídos no programa. ”A ideia é formar 84 mil pessoas por ano, para chegar a 240 mil pessoas até 2014, dentro do âmbito do Pronatec Copa. Também estamos celebrando convênios com estados para que façam formações específicas que o Pronatec não alcança, como policiais, taxistas e o pessoal que trabalha em rodoviárias. Já assinamos convênios e estamos repassando recursos para que a secretarias estaduais e municipais comandem esses processos”, explicou.

Acessibilidade
O ministro do Turismo comentou, ainda, os investimentos em obras de acessibilidade para a Copa das Confederações FIFA 2013 e para o Mundial de 2014. Segundo Gastão Vieira, os recursos já foram colocados à disposição das sedes dos torneios juntos à Caixa Econômica Federal, para que elas possam fazer os trabalhos de acessibilidade. “Ainda este mês vamos chamar os prefeitos a Brasília para uma rodada final, com o objetivo de acelerarmos essa oferta indispensável para dar conforto e segurança às pessoas que precisam de meios de locomoção perfeitamente adequados”, disse.

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Conheça o trabalho dos narradores que levam a emoção dos jogos do Mundial a quem sintoniza a 88,9 FM das arquibancadas do estádio do Rio de Janeiro
+
Irmãs, que foram a Fortaleza acompanhar a partida decisiva entre Grécia e Costa do Marfim, experimentaram a estrutura para atender a idosos no deslocamento à arena
+
Bolsões de estacionamento, interdição de vias, transporte público. Confira a organização da capital federal para os sete dias em que haverá jogos na cidade
+
Com mais de 166 mil matriculados, projeto aproveita a influência da Copa e cria oportunidades em funções ligadas às atividades do receptivo turístico em todo o país
+