Fotos e vídeo: acompanhe as obras na Arena da Baixada, em Curitiba

09/01/2012 - 19:44
Retomadas em outubro, reforma do estádio do Atlético Paranaense terá um dos menores custos entre as arenas da Copa do Mundo de 2014.

Monitoramento/ ME novembro 2011#

As obras de reforma da Arena da Baixada, em Curitiba, para a adequação às exigências da FIFA para a Copa do Mundo de 2014 foram reiniciadas em outubro do ano passado. Antes da retomada do empreendimento, o Conselho Deliberativo do Atlético Paranaense, proprietário do estádio, aprovou o orçamento, com estimativa máxima de R$ 180 milhões para o projeto, e o clube constituiu uma Sociedade de Propósito Específico (SPE), para pleitear financiamento com o BNDES.

As intervenções na Arena, que abrigará quatro jogos da primeira fase do Mundial de 2014, sendo uma partida do cabeça de chave do Grupo B, passam pela conclusão da arquibancada do setor Madre Maria dos Anjos (paralela a Brasílio Itiberê), área da logística principal das exigências FIFA com setores vip, tribuna de honra, hospitalidade, imprensa, jogadores, juízes e delegados FIFA, além da reforma e ampliação dos setores Buenos Aires, Getúlio Vargas e Coronel Dulcídio, para adequá-los aos serviços e circulações exigidos pela FIFA, ampliando a sua capacidade atual e para atender as exigências no que diz respeito à segurança, conforto e funcionalidade.

Monitoramento/ ME novembro 2011#

Também haverá uma reforma de toda a frente do novo estádio com o objetivo de integração urbana total com a Praça Afonso Botelho, proporcionando o nível de acessibilidade exigido pela FIFA em termos de fluxo de multidões. Entre as ruas Brasilio Itiberê e Madre Maria dos Anjos será construído um edifício de dois pavimentos destinado ao estacionamento com 690 vagas e um edifício de três pavimentos destinado ao centro de imprensa. Por fim, será criada uma nova cobertura metálica que será apoiada nas quatro torres (duas paralelas à Rua Buenos Aires e duas paralelas à Rua Coronel Dulcídio).

Com investimento de R$ 234 milhões, de acordo com a Matriz de Responsabilidade para a Copa, o clube ampliará a capacidade do estádio para 42 mil pessoas. O cronograma do projeto está mantido. A estimativa é de que as obras sejam entregues em dezembro de 2012 e que a arena seja oficialmente reinaugurada em março de 2013, mês de aniversário da capital paranaense. 

Portal da Copa

 



Acompanhe o monitoramento de outubro e novembro de 2011 das outras obras dos estádios para a Copa:

» Mineirão, em Belo Horizonte
» Estádio Nacional, em Brasília
» Arena Pantanal, em Cuiabá

» Castelão, em Fortaleza
» Arena Amazônia, em Manaus

» Arena das Dunas, em Natal
» Beira-Rio, em Porto Alegre
» Arena Pernambuco, em Recife
» Maracanã, no Rio de Janeiro
» Fonte Nova, em Salvador
» Itaquerão, em São Paulo

Notícias Relacionadas

Paralisação de cobradores não interferiu na circulação de ônibus nesta quinta-feira (26.06), dia do jogo Argélia x Rússia
+
Jogo terminou em 1 x 1, levando os africanos para as oitavas pela primeira vez
+
Paralisação de cobradores não altera transporte público no dia da partida Argélia x Rússia na Arena da Baixada
+
Partida, que pode definir classificado do Grupo H, será nesta quinta-feira (26.06), às 17h, em Curitiba
+