#CopaSemRacismo: craques da Seleção Brasileira apoiam iniciativa pelo Twitter

02/06/2014 - 22:15
Neymar e Paulinho usaram a rede social para apoiar campanha do país contra discriminação racial

Usando a hashtag #CopaSemRacismo, os craques da Seleção Brasileira Neymar e Paulinho aderiram, nesta segunda-feira (02.06), à campanha do governo federal que vai aproveitar a Copa do Mundo para reforçar a mensagem contra a discriminação racial. Mais cedo, enquanto recebia a taça do Mundial, a presidenta Dilma Rousseff convidou todos os brasileiros para serem parceiros da iniciativa.

“A todos os brasileiros e estrangeiros, eu convido a serem parceiros na realização de uma Copa sem racismo, pela paz, sem discriminação, uma Copa na qual o futebol se mostra sempre, mais uma vez, extraordinário instrumento para nos ajudar a disseminar os valores do entendimento, do diálogo, da paz e do respeito entre nós, seres humanos e entre as nações. Façamos da Copa do Mundo Fifa 2014 um momento histórico em favor do respeito à diversidade e contra a discriminação e o racismo”, afirmou Dilma.

Neymar está em Goiânia, onde enfrenta, na noite desta terça-feira, o Panamá, no penúltimo amistoso do Brasil antes da estreia, em 12 de junho, contra a Croácia. Já Paulinho está sendo poupado e ficou na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), centro de treinamento do time canarinho. Felipão afirmou que o problema do volante não é grave e anunciou que Ramires atuará amanhã como titular.

Notícias Relacionadas

Dados divulgados pelo Ministério da Saúde mostram que 97,3% dos casos ocorridos nas arenas foram resolvidos no próprio local
+
Balanço mostra que período do Mundial teve média de cinco pousos ou decolagens por minuto
+
Presidenta e ministros detalharam como investimentos em turismo, segurança, telecomunicações, mobilidade, aeroportos e saúde funcionaram durante o Mundial
+
Presidenta Dilma Rousseff e ministros de Estado detalham resultados da preparação do país para Copa do Mundo
+