Chile e Equador se classificam para a Copa de 2014. Uruguai vai disputar a repescagem

15/10/2013 - 22:35
Mesmo com derrota para chilenos, equatorianos garantiram a vaga direta graças ao saldo de gols. Nem a vitória por 3 x 2 dos uruguaios sobre os argentinos foi suficiente para a Celeste, que terá de enfrentar a Jordânia

A última rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa de 2014 definiu nesta terça-feira (15.10) mais dois classificados para o Mundial que será realizado no Brasil: Chile e Equador. Os chilenos venceram os equatorianos em Santiago, por 2 x 1, e garantiram a vaga sem sustos. Os equatorianos dependiam do resultado do jogo entre Uruguai e Argentina. Como o placar em Montevidéu ficou 3 x 2 para a Celeste, o Equador acabou levando a vaga no saldo de gols (4 a 0).

O Uruguai vai precisar disputar a repescagem para conquistar a classificação. Serão dois jogos contra a Jordânia. Em outras partidas válidas pela última rodada, a já classificada Colômbia ganhou do Paraguai, em Assunção, por 2 x 1, com dois gols do veterano zagueiro Mario Yepes, e o Peru empatou com a Bolívia por 1 x 1.

Chile
Sob o comando do técnico argentino Jorge Sampaoli, que assumiu a seleção no ano passado, O Chile fez ótima campanha na reta final das Eliminatórias. Os gols da vitória sobre o Equador foram marcados por Alexis Sanchez e Gary Medel. Com isso, o time chegou a nove triunfos em 16 jogos, o mesmo número da Argentina, que terminou na liderança. Os chilenos, no entanto, empataram apenas uma partida, e terminaram o torneio com 28 pontos, quatro a menos que os argentinos.

Com jovens talentos como os atacantes Eduardo Vargas, do Grêmio, e Alexis Sanchez, do Barcelona, ao lado de jogadores experientes, caso do meia Jorge Valdívia, do Palmeiras, o Chile encorpou seu estilo de jogo e está na 16ª posição do ranking de seleção da FIFA de setembro de 2013. A Copa de 2014 será a nona dos chilenos. A melhor colocação foi em 1962, quando jogaram em casa e terminaram na terceira colocação. 

Equador
Os equatorianos voltam à Copa do Mundo depois de terem ficado fora do torneio na África do Sul, em 2010. Em toda a história, o Equador só disputou dois Mundiais: em 2002, na Coreia do Sul e no Japão, e em 2006, na Alemanha, quando surpreendeu e conseguiu chegar às oitavas de final, sendo eliminado pela Inglaterra.

O time do técnico colombiano Reinaldo Rueda está na 20ª colocação do ranking de seleções da FIFA de setembro de 2013. O principal destaque da seleção equatoriana é o atacante Felipe Caicedo, que joga no Lokomotiv Moskow, da Rússia.

Nas Eliminatórias Sul-Americanas, os equatorianos somaram 25 pontos, com sete vitórias, quatro empates e cinco derrotas. O destaque foi a defesa, que, com 16 gols sofridos, acabou como a terceira melhor do torneio, atrás apenas de Argentina e Colômbia, os dois primeiros colocados na tabela.

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Brasil enfrentará a Colômbia em 5 de setembro e o Equador no dia 9. Os jogos serão nos Estados Unidos
+
O artilheiro do Mundial com seis gols ainda alcançou a terceira posição com o tento anotado contra o Japão, em enquete promovida pela FIFA
+
Em coletiva de imprensa nesta terça-feira, volante Ramires e goleiro Victor destacam qualidade da Colômbia e negam desequilíbrio emocional
+
Camisa 10 da Colômbia, que anotou os dois gols do triunfo de sua equipe, sente que está no melhor momento da carreira e destaca qualidade da Seleção Brasileira
+