Cerimônia de encerramento, no Maracanã, uniu samba, sertanejo e axé

30/06/2013 - 17:37
Copa das Confederações será concluída neste domingo, com a partida entre Brasil x Espanha, a partir das 19h

Danilo Borges#O samba de Arlindo Cruz deu início à festa que tomou conta do Maracanã neste domingo antes da final da Copa das Confederações. A cerimônia de encerramento do torneio teve início às 17h25 e durou 18 minutos.

Também se apresentaram no gramado do mais tradicional palco do futebol mundial a dupla Victor & Leo, a cantora Ivete Sangalo, o cantor Jorge Ben Jor e a bateria da escola de samba Acadêmicos do Grande Rio.

Enquanto a música animava as arquibancadas, voluntários com fantasias de bolas de futebol faziam evoluções em campo. Dois deles, contrariando o que estava determinado, tentaram exibir uma faixa de protesto, mas acabaram contidos pelos seguranças.

Depois, a Grande Rio entrou em campo com fantasias nas cores verde, amarela e azul e formou a bandeira nacional no centro do gramado. Dois casais de mestre-sala e porta-bandeiras carregaram as bandeiras de Brasil e Espanha. No ritmo do samba, os cantores interpretaram a música “País Tropical”. No fim, balões verdes e amarelos subiram aos céus do Rio.   

Com o tema “Juntos num só ritmo”, a apresentação contou com 1.250 voluntários, entre candidatos inscritos pelo Brasil Voluntário e pela FIFA. Os ensaios para a cerimônia começaram no dia 3 de junho, sob coordenação do Comitê Organizador Local (COL).

Os voluntários também atuaram na cerimônia de abertura da competição, que ocorreu no dia 15 de junho, em Brasília.

Leia também:

» Em exibição de gala, Brasil faz 3 x 0 sobre a Espanha e comemora o título da Copa das Confederações

» Felipão exalta torcida e jogadores. Del Bosque admite: "O Brasil foi melhor"

» Neymar conquista o prêmio de melhor jogador do torneio

» Jogadores do Brasil agradecem a torcida e já planejam repetir conquista em 2014

» Presidenta Dilma Rousseff parabeniza Seleção pelo tetracampeonato na Copa das Confederações

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Secretário executivo do Ministério do Esporte afirma que o aprendizado adquirido com o Mundial dará melhores condições para o Brasil enfrentar os desafios da preparação do maior evento esportivo do planeta
+
Os legados esportivos, econômicos, de infraestrutura, de imagem e promoção do Brasil, dentre outros, serão abordados nos dois dias de palestras
+
Estruturas como o Centro Integrado de Comando e Controle Móvel, usado no Mundial, foram empregadas na competição de vela que está sendo realizada no Rio de Janeiro
+