500 dias para a Copa: Marta Suplicy detalha projetos da pasta de Cultura

28/01/2013 - 00:09
"O Ministério da Cultura vai ser parceiro da Fan Fest. Vamos entrar como colaboradores para tornar a demonstração da nossa cultura a mais ampla possível"

A ministra da Cultura, Marta Suplicy, enxerga na Copa do Mundo a chance de dar visibilidade à diversidade cultural que marca o povo brasileiro. Um dos focos da ação do ministério nos preparativos para o Mundial é selecionar e garantir que vários espetáculos e manifestações artísticas de todas as regiões do país estejam entre as atrações da Fan Fest, local de exibição de jogos e espaço de convivência dos torcedores que será montado pela FIFA nas 12 cidades-sede. Outra iniciativa será legendar em inglês e espanhol filmes brasileiros, para que possam ser apreciados pelo público estrangeiro.

 

Copa e o reforço à cultura

São várias as possibilidades de enfatizar a cultura nacional. Uma delas é aproveitar as Fan Fest. Cada uma das 12 cidades-sede vai ter uma Fan Fest da FIFA. Via televisão, vai ser o mundo aparecendo 12 horas por dia na casa da pessoa. Inclusive quem mora na cidade pode ir lá e será beneficiada pelos espetáculos ao vivo. O Ministério da Cultura vai ser parceiro da Fan Fest. Vamos entrar como colaboradores para tornar a demonstração da nossa cultura a mais ampla possível. Queremos que as cidades que não estão na Copa estejam representadas. Vamos trazer e ajudar a colocar na Fan Fest a cultura regional.

Legado imaterial

O legado imaterial, como o frevo que virou patrimônio da humanidade, é esse de as pessoas poderem se apropriar da cultura brasileira. No dia tal, na hora tal, vamos apresentar o Xingu, o balé da região X, o Bumba meu boi, aí a pessoa vai lá se tem interesse em assistir. São atividades que vamos fazer não só num lugar único. A cidade tem que ficar alegre, movimentada, cheia de espetáculos e é isso que vamos tentar criar. É o legado imaterial, que é o que se chama de soft power. O Brasil mostrando a sua sedução, o seu povo, a sua diversidade, a sua alegria.

Exemplos anteriores

Nós vimos o que os alemães fizeram, o que mostraram do seu país, vimos na África do Sul. É isso que temos que fazer e é isso que vamos fazer, para quem não é daqui poder entender que somos mais do que o nosso delicioso samba, que a maravilhosa bossa nova, o nosso futebol e a nossa praia. Nós somos muito mais amplos e de uma diversidade e riqueza imensa, fruto desse Brasil miscigenado. Temos aqui todas as culturas e foi isso que deu a nossa característica de brasileiros e que nos faz tão individuais e apreciados.

Foto: Danilo Borges/Frame de vídeo/Portal da Copa#

Intercâmbio cultural

Tem tantas pessoas que moram na Paraíba e não sabem muito da cultura do Rio Grande do Sul. São dois mundos, o Brasil são vários mundos. Nós falamos a mesma língua, mas as nossas características regionais são fortíssimas e isso é obrigação da Copa mostrar internamente, e nós vamos fazer.

Legendas em inglês

Pedimos à Ancine, que é a responsável pelos filmes brasileiros e pela organização mercadológica, que faça a tradução para espanhol e para inglês, com legenda, dos filmes nacionais. Se puser só em português vamos ter audiência menor. Então eles vão ser falados em português e legendados em inglês e espanhol. Além disso, vamos arrumar um jeito para que a pessoa entre na cidade e saiba os monumentos que pode visitar, os museus em que pode entrar, todas as informações. Isso é um trabalho que estamos começando a realizar.

Voluntariado

O programa Brasil Voluntário, lançado pelo Ministério do Esporte, é o máximo. O que mais gostei é que vai agregar, na segunda fase, voltada para a Copa do Mundo, pessoas da América Latina. Isso é importante, primeiro porque estamos no Mercosul e isso vai fortalecer essa unidade. Mas também porque, para falar a verdade, não temos tantos jovens que falem espanhol e isso vai ajudar muito. Agregar é positivo e ter mais gente qualificada é bom. Tenho certeza de que aquele jovem que vier de fora é aquele aventureiro, que quer ajudar, então é uma cabeça especial para a Copa. É uma coisa que enriquece quem está recebendo o serviço do voluntário e enriquece o voluntário. Então eu até conclamo: se você está pensando em ser, vá ser, porque você só vai lucrar.

Leia todas as matérias e entrevistas especiais:

» O Brasil a 500 dias para a Copa do Mundo

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Produções retratam a festa dos torcedores e a organização do megaevento esportivo
+
Estruturas como o Centro Integrado de Comando e Controle Móvel, usado no Mundial, foram empregadas na competição de vela que está sendo realizada no Rio de Janeiro
+
No confronto entre Brasil x Colômbia, pelas quartas de final, a lotação hoteleira de Fortaleza alcançou 97%
+
Terminais que tiveram obras entregues foram os melhores avaliados em levantamento realizado entre abril e junho
+