FIFA oficializa: ingressos para o Mundial de 2014 serão vendidos a partir de 2013

20/10/2011 - 12:45
Representante da FIFA anuncia que a intenção da entidade é garantir um nível de preços acessível para todas as pessoas. Tíquetes para a Copa das Confederações serão comercializados no fim de 2012

Marcello Casal Jr/ABr#Maioria dos ingressos serão vendidos por meio de sorteio pela internet, mas, como na África, haverá pontos fixos para que aqueles sem acesso à rede possam se inscreverA FIFA realizou hoje, em Zurique, uma mesa-redonda com jornalistas brasileiros para tratar da venda de ingressos para a Copa do Mundo da FIFA 2014. Segundo a entidade, os tíquetes para o Mundial de 2014 serão vendidos após a disputa da Copa das Confederações, em 2013, para evitar que os torcedores confundam os eventos. Segundo o diretor de marketing da FIFA, Thierry Weil, a intenção “possibilitar que todos possam assistir aos jogos, tanto torcedores de alta quanto de baixa renda”. Segue um resumo da conversa, que também contou com a presença do presidente da Match AG, Jaime Byrom.

Thierry Weil, diretor de marketing da FIFA e membro da FIFA Ticketing AG

Venda de ingressos
As vendas de ingressos são uma operação complexa. Estamos prevendo a disponibilização de 3,3 milhões de bilhetes, embora ainda não esteja definido em detalhes quantos serão. Só poderemos saber isso quando todos os estádios estiverem concluídos e quando estiver claro quantos assentos poderão ser colocados à venda, pois pode haver problemas, como lugares com visão limitada do campo. Além disso, vamos organizar "Fan Fests" em parceria com as cidades-sede. Haverá muitas atividades para os torcedores em 2014.

Cronograma
As vendas de ingressos da Copa do Mundo só se iniciarão após a disputa da Copa das Confederações da FIFA 2013. Os bilhetes para o torneio que antecede o Mundial começarão a ser vendidos após o sorteio das chaves, no fim de 2012. Decidimos fazer as coisas dessa forma para não confundir torcedores com ingressos para dois diferentes eventos.

Preços
Sabemos que os brasileiros são loucos por futebol. Estamos em meio a conversas com o governo brasileiro e o Comitê Organizador Local para garantir que brasileiros de todas as classes sociais tenham chances de assistir às partidas. A nossa missão é estabelecer um nível de preços que seja acessível para todas as pessoas. O objetivo é possibilitar que todos possam assistir aos jogos, tanto torcedores de alta quanto de baixa renda. Acreditamos que grande parte dos ingressos irá para as mãos dos brasileiros. Para nós, o torcedor é o mais importante. Se tivermos torcedores felizes no estádio, a Copa com certeza será fantástica.

Procedimento
A primeira fase será como uma loteria, na qual a pessoa se candidatará aos ingressos e então poderá ou não ser sorteada. Todos poderão participar e, portanto, terão chances iguais de conseguir ingressos. A maior parte dos ingressos será vendida pelo FIFA.com, o site oficial da Copa do Mundo da FIFA. Além disso, assim como ocorreu na África do Sul, teremos pontos de venda no Brasil para os torcedores locais que não disponham de conexão de internet. Para isso, trabalharemos com organizações locais para garantir que possamos alcançar todos os torcedores.

Jaime Byrom, presidente da Match Hospitality
A procura que estamos notando até o momento é claríssima e promissora. Ainda faltam três anos para a Copa do Mundo no Brasil, mas já preciso dizer que a procura está ultrapassando a dos últimos Mundiais, quando também fomos os responsáveis pelas questões de Hospitalidade e Ingressos. Para o Brasil, teremos uma nova abordagem com referência a hospitalidade e apresentaremos um novo produto. Além de ingressos específicos para as cidades e seleções, também haverá uma série abrangendo os principais estádios.

Fonte: FIFA.com

Notícias Relacionadas

Mais de dois mil itens, entre televisores, computadores e telefones celulares, serão entregues a 64 escolas das doze sedes, além de 26 organizações não-governamentais
+
No período do Mundial, a capital federal recebeu 633 mil visitantes, sendo 488.903 brasileiros e 143.743 estrangeiros. Números superaram as estimativas iniciais
+
Foi movimentado mais de um bilhão de reais na economia do estado, que recebeu 160 mil turistas estrangeiros e teve taxa média de ocupação hoteleira de 80%
+
Cooperativas de catadores atuaram nos 12 estádios do Mundial para a recuperação e separação dos resíduos deixados pelos torcedores durante os jogos
+