Estimativa é que o metrô de Salvador beneficie 300 mil usuários por dia no ano do Mundial

19/11/2011 - 21:21
Ao anunciar investimentos de R$ 1,6 bilhão para a construção da linha 2, presidenta Dilma Rousseff afirmou que a questão da mobilidade urbana nas grandes cidades é imperativa para garantir a qualidade de vida da população

Roberto Stuckert Filho/PR#Os investimentos anunciados na sexta-feira (18.11) pela presidenta Dilma Rousseff para a linha 2 do metrô de Salvador vão beneficiar a população de pelo menos 15 bairros da capital baiana no trecho entre o acesso norte, também conhecido como Rótula do Abacaxi, e o município de Lauro de Freitas, na região metropolitana. A expectativa do governo do estado é que, em 2014, ano da Copa do Mundo da FIFA, o metrô já esteja funcionando e beneficiando 300 mil usuários por dia.

“É um momento especial para Salvador. A gente tem que comemorar esse investimento significativo que vai criar condições para que a cidade reestruture seu transporte coletivo”, disse o secretário do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), Maurício Muniz, comentando o montante de R$ 1,6 bilhão anunciado pela presidenta Dilma em cerimônia na capital baiana.

Deste total, R$ 1 bilhão são recursos do Orçamento da União que o governo federal está liberando para a construção dos 22 quilômetros da linha 2 do metrô. Salvador é a quarta cidade beneficiada pelo PAC Mobilidade Urbana Grandes Cidades, que prevê investimentos de R$ 18 bilhões em 24 cidades com mais de 700 mil habitantes.

Esses recursos, segundo o secretário Maurício Muniz, não correm risco de sofrer contingenciamento, o que garante a execução da obra. “O momento de restringir investimentos em obras estruturantes passou”, afirmou.

Fonte: Blog do Planalto

Notícias Relacionadas

Estudo revela que a ocupação hoteleira na cidade bateu recordes, chegando a 72,26% no período do Mundial
+
BRT carioca teve seis novas estações inauguradas neste fim de semana e liga a Barra da Tijuca ao aeroporto do Galeão
+
Tour 100% apresenta os bastidores do equipamento multiuso aos visitantes
+
Tarifa é de R$ 2,15 e os usuários que desejarem experimentar o novo modal poderão utilizar o Vale Eletrônico Metropolitano (VEM)
+