Estados Unidos figura como favorito à vaga para o Mundial do Brasil

06/12/2011 - 14:37
Site da FIFA avalia os grupos das eliminatórias para a Copa do Mundo FIFA Brasil 2014, começando pelas disputas na América Central, do Norte e Caribe.

A terceira fase das eliminatórias da América do Norte, América Central e Caribe para a Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 começa em junho de 2012 com a participação das seleções mais tradicionais da região. Os Estados Unidos, sob nova direção, são os favoritos do Grupo A (Estados Unidos, Jamaica, Guatemala e Antígua e Barbuda), que também conta com os caribenhos Jamaica, Guatemala e Antígua e Barbuda. O FIFA.com detalha a seguir a penúltima etapa do torneio classificatório da CONCACAF.

Com nove classificações para a Copa do Mundo da FIFA, inclusive as seis últimas em sequência, os Estados Unidos são os grandes favoritos da chave. Porém, apesar da história, da organização e da tradição, o selecionado passa atualmente por uma crise de confiança. O país perdeu a final da última Copa Ouro por 4 a 2 diante do México e vem mostrando verdadeiros buracos na defesa, meio-campo e ataque em amistosos recentes.

 Para reverter a situação atual, foi contratado como novo técnico o ex-jogador e ex-treinador da seleção alemã Jürgen Klinsmann. Mas os primeiros passos de Klinsmann não foram nada convincentes, com apenas duas vitórias em sete jogos. Quem pode aproveitar o mau momento americano é a Jamaica, atual campeã da Copa do Caribe. Treinado pelo ex-jogador Theodore Whitmore, o país do reggae está em franco crescimento, demonstrando uma inédita disciplina que se une à força e à técnica de sempre.

Enquanto EUA e Jamaica jogavam apenas amistosos, Guatemala e Antígua e Barbuda disputaram seis partidas pela segunda fase das eliminatórias. Os guatemaltecos do experiente atacante Carlos Ruiz, maior artilheiro da história da seleção, obtiveram seis vitórias contra Belize, São Vicente e Granada. Os antiguanos, por sua vez, foram uma das maiores surpresas das eliminatórias, eliminando o favorito Haiti. "Colocamos o nosso pequeno país no mapa. Tenho certeza de que somos o menor país ainda nas eliminatórias. Às vezes nem acredito que conseguimos (derrotar o Haiti), e isso me faz querer mais”, afirmou George Dublin, capitão de Antígua e Barbuda.

Destaques

Os americanos terão mais uma vez como destaque o armador Landon Donovan, jogador que mais gols já marcou com a camisa estadunidense e que vem de um título nacional com o Los Angeles Galaxy. Mais à frente, Jozy Altidore será o homem responsável por tentar balançar as redes; atrás, o arqueiro Tim Howard manterá a segurança. O jamaicano Dane Richards, que atua nos Estados Unidos, tem tudo para também chamar as atenções, com velocidade e faro de gol que serão uma ameaça para até a melhor das defesas. Na Guatemala, Ruiz é o coração da equipe. Já os azarões antiguanos são comandados em campo pelo artilheiro Pete Byers e pelo experiente zagueiro George Dublin.

Leia a notícia completa

FIFA.com

Notícias Relacionadas

Mais de dois mil itens, entre televisores, computadores e telefones celulares, serão entregues a 64 escolas das doze sedes, além de 26 organizações não-governamentais
+
No período do Mundial, a capital federal recebeu 633 mil visitantes, sendo 488.903 brasileiros e 143.743 estrangeiros. Números superaram as estimativas iniciais
+
Foi movimentado mais de um bilhão de reais na economia do estado, que recebeu 160 mil turistas estrangeiros e teve taxa média de ocupação hoteleira de 80%
+